[ Aroused Source ]
                     Yukio Minami | Chocolate, Música, Pensamentos, ...

       [ L i n k s ]
             Blue Notes | Cores | Dreams | Google | Horóscopo | Hotmail | Instituto Tomie Ohtake | Itaú Cultural | Museu De Arte Moderna | Orisinal | Pensador | Ubuntu |

       [ A b o u t  M e ]
             yukio
             29 - 05/march
             pisces
             são paulo - br 
             Carbonmade
             Flickr
             Last.fm
             43 Things
             Tumblr
             Twitter
             Weit

       [ H i s t o r y ]
            Janeiro 2006
            Fevereiro 2006
            Junho 2006
            Julho 2006
            Agosto 2006
            Setembro 2006
            Outubro 2006
            Novembro 2006
            Dezembro 2006
            Janeiro 2007
            Fevereiro 2007
            Março 2007
            Abril 2007
            Maio 2007
            Junho 2007
            Julho 2007
            Agosto 2007
            Outubro 2007
            Dezembro 2007
            Janeiro 2008
            Fevereiro 2008
            Março 2008
            Abril 2008
            Maio 2008
            Julho 2008
            Agosto 2008
            Fevereiro 2009
            Março 2009
            Agosto 2009
            Setembro 2009
            Janeiro 2010
            Março 2010
            Novembro 2011
            Agosto 2012
            Maio 2013
            Dezembro 2013
            Novembro 2014
            Janeiro 2015

follow yukiominami
This page is powered by Blogger. Isn't yours?

       [ P o s t ]
            sexta-feira, fevereiro 23, 2007
Ir além


            
Como as águias... Como as águias.

[ • ] [ posted by Yukio at 12:17 AM ] [ 0 Comments ]


            sábado, fevereiro 17, 2007
Mimese Festiva


            
Se acreditar , tente!
Está cansado, sente
Se está frio, esquente
Está fora, entre
Se pediu, aguente!

Se sujou, caia fora
Se da pé, namora
Está doendo, chore
Está caindo, escore
Não está bom, melhore

Se apertar, grite
Se está chato, agite
Se não tem, credite
Se foi falta, apite
Se não é, imite

Se é do mato, amanse
Trabalhou, descanse
Se tem festa, dance
Se está longe, alcance
Use sua chance

Se está puto, quebre
Está feliz, requebre
Se venceu, celebre
Se está velho, alquebre
Corra atrás da lebre

Se perdeu, procure
Se é seu, segure
Está mal, se cure
Se é verdade, jure
Quer saber, apure

Se sobrou, congele
Se não vai, cancele
Se é inocente, apele
Escravo, se rebele
Nunca se atropele

Se escreveu, remete
Engrossou, se mete
Quer dever, promete
Para moldar, derrete!

[ • ] [ posted by Yukio at 1:09 AM ] [ 1 Comments ]


            sexta-feira, fevereiro 09, 2007
"Autumn Leaves" - Jacques Prevert/Johnny Mercer - Joseph Kosma - Nat King Cole


            
Autumn Leaves
Jacques Prevert/Johnny Mercer; Joseph Kosma; Nat King Cole


"The falling leaves drift by my window.
The falling leaves of red and gold.

I see your lips,
the summer kisses,
the sunburned hands I used to hold.

Since you went away the days grow long
And soon I'll hear old winter song
But I miss you most of all my darling
When autumn leaves start to fall"

[ • ] [ posted by Yukio at 6:53 AM ] [ 2 Comments ]



O Limite É O Tempo


            
Não existe um cronograma para acompanhar a vida. Ela e, apenas ela, se avantaja para coordenar independente da vontade alheia. É indistintamente incerta, porém expande o presente que se conhece para o futuro erroneamente inexplorado. Pode-se fazer projetos, estipular metas, com a definição de que ao conduzir e praticar tais, estarão sujeitos à merce do destino.

E o que chega a ser o destino? Uma história préviamente esboçada (ou realmente editada) e publicada, para que cada ser humano pudesse transfigurar e interpretar, sem ao menos se fazer perceber da condição manipuladora e atuar em momentos e condições das quais são julgadas únicas.
Talvez não. Há a possibilidade de que o destino seja originado pelo próprio homem para poder praguejar seu infortúnio e, até mesmo, aperfeiçoado para que fosse escrito e publicado sua própria trilha de vida pessoal.

É possível entender o fardo que se tem?
A partir do momento em que se teme algo, se é fraco o suficiente para ter medo. Reconhecer seus próprios limites e capacidades é ser inteligente, porém forte é aquele que se sobressai disso e consegue subtrair o temor sem nenhuma tensão. Experiência.
Quando os pensamentos que antes apenas vagavam sem explicação se chocam com os de outro e começam a fazer sentido, o presente e o futuro de ambos, já mudaram. Existem pessoas que esperam por isso uma vida inteira.

O tempo é o limite da experiência.

"Quanto mais motivos de interesse um homem tem, mais ocasiões tem também de ser feliz e menos está à merce do destino, pois se perder um pode recorrer logo a outro."
- Bertrand Russell

[ • ] [ posted by Yukio at 6:06 AM ] [ 0 Comments ]


 
Layout desenvolvido por Yukio
A cópia ou reprodução total ou parcial sem autorização, implicará nas penas previstas pela lei. As imagens utilizadas são apenas para evento de divulgação.
eXTReMe Tracker