[ Aroused Source ]
                     Yukio Minami | Chocolate, Música, Pensamentos, ...

       [ L i n k s ]
             Blue Notes | Cores | Dreams | Google | Horóscopo | Hotmail | Instituto Tomie Ohtake | Itaú Cultural | Museu De Arte Moderna | Orisinal | Pensador | Ubuntu |

       [ A b o u t  M e ]
             yukio
             29 - 05/march
             pisces
             são paulo - br 
             Carbonmade
             Flickr
             Last.fm
             43 Things
             Tumblr
             Twitter
             Weit

       [ H i s t o r y ]
            Janeiro 2006
            Fevereiro 2006
            Junho 2006
            Julho 2006
            Agosto 2006
            Setembro 2006
            Outubro 2006
            Novembro 2006
            Dezembro 2006
            Janeiro 2007
            Fevereiro 2007
            Março 2007
            Abril 2007
            Maio 2007
            Junho 2007
            Julho 2007
            Agosto 2007
            Outubro 2007
            Dezembro 2007
            Janeiro 2008
            Fevereiro 2008
            Março 2008
            Abril 2008
            Maio 2008
            Julho 2008
            Agosto 2008
            Fevereiro 2009
            Março 2009
            Agosto 2009
            Setembro 2009
            Janeiro 2010
            Março 2010
            Novembro 2011
            Agosto 2012
            Maio 2013
            Dezembro 2013
            Novembro 2014
            Janeiro 2015

follow yukiominami
This page is powered by Blogger. Isn't yours?

       [ P o s t ]
            segunda-feira, março 24, 2008
What Do You Think About Love?


            
Pequeno trecho de um diálogo entre Minduim e Patty:

"- O que você acha que é o
amor, Minduim?

- Bem, há alguns anos meu pai tinha um Sedã preto 1934 de duas portas...

- Mas o que isso tem a ver com o amor?

- Espera, deixa eu falar o que ele me disse! Havia uma garota muito bonita, sabe? Ela costumava pegar carona com ele. Sempre que ele a convidava ele abria a porta do carro pra ela, depois que ela entrava ele fechava a porta. Depois ele passava por trás do carro e ia pra porta do motorista, mas antes dele chegar lá, ela esticava o braço e trancava a porta, deixando ele pra fora. Depois ela ficava ali fazendo muitas caretas e sorrindo. Isso que eu acho que é o amor!

- Às vezes eu me preocupo com
você, Minduim!"



Como diria o Melo: "- Fantástico, cara!".
Fantástico,
mesmo.

[ • ] [ posted by Yukio at 1:06 AM ] [ 3 Comments ]


            sábado, março 15, 2008



            

Nem tinha reparado nisso: "70 postagens, última publicação em 05/03/2008."
Maneiro. Tirando a média aritmética, dá cerca de 3,18 posts por mês. Estou mais assíduo devido ao momento entitulado por mim de: Reencontro de individualidade.
Soa até como título de filme...

Está tudo tão sad. Acho que este fim de semana vou ver bastante meus amigos patapons, minha guitarra com uma pitada de Jeff Buckley e chocolate... Não estou com a mínima vontade de sair, beber, dançar, ensaiar ou qualquercoisaqueenvolvamaisdeumapessoaalémdemim.

Planos pro domingo?
Vou assistir um daqueles filmes que estou para ver há tempos.
Tenho até uma lista... Quero ver todos estes:
1. Chihiro
2. Kingdom Of Heaven
3. Paris Je T'aime
4. Coeurs
5. Thirteen
6. The Painted Veil

Je n'en connais pas la fin... !



[ • ] [ posted by Yukio at 1:57 AM ] [ 2 Comments ]


            quarta-feira, março 05, 2008
Félicitations!


            
Happy B-Day!Aquele clássico dia de receber ligações, e-mails, SMS's, e todo o tipo de comunicação que a tecnologia nos permite! Vale tudo para achar o aniversariante. Adoro aniversários, mas por alguma razão só desfruto quando não é o meu.

Prefiro algo mais piegas... Receber uma carta, um convite para um café e um cigarro, dar uma volta no parque, compartilhar alguma música, ou então, o trecho de algum livro que a pessoa admire. Enfim, uma dessas surpresas boas que acontecem em nossas vidas.
(Afinal de contas, a vida já é chata com surpresas... Imagine sem elas!)

"Está provado que fazer aniversário é saudável. Estatísticas mostram que pessoas que fazem mais aniversários vivem mais."
- S. den Hartog, Ph D. Thesis Universtity of Groningen

Não deveria esperar menos que isso de um Ph D.!
Acho que nasci para comemorar, não ser comemorado.

Feliz aniversário para mim!


Edith Piaf

La Vie En Rose

"Des yeux qui font baiser les miens,
Un rire qui se perd sur sa bouche,
Voilà le portrait sans retouche
De l'homme auquel j'appartiens

[Refrain]
Quand il me prend dans ses bras
Il me parle tout bas,
Je vois la vie en rose.
Il me dit des mots d'amour,
Des mots de tous les jours,
Et ça m'fait quelque chose.
Il est entré dans mon coeur
Une part de bonheur
Dont je connais la cause.
C'est lui pour moi,
Moi pour lui dans la vie,
Il me l'a dit, l'a juré
Pour la vie.
Et dès que je l'apercois
Alors je sens en moi
Mon coeur qui bat

Des nuits d'amour à plus finir
Un grand bonheur qui prend sa place
Des ennuis des chagrins s'effacent
Heureux, heureux à en mourir."



Ah! Os presentes, sintam-se à vontade.

[ • ] [ posted by Yukio at 5:36 AM ] [ 4 Comments ]


            segunda-feira, março 03, 2008
Insomnia


            
Diversas vezes me vejo repleto de frases. Daí faz um túim! na minha cabeça, me posiciono em frente ao computador, logo no tal blogger para transformar meus pensamentos em palavras e, de repente, tudo some... Some a vontade de escrever, todas aquelas idéias (que antes eram super atrativas), toda a disposição... E quando me dou por mim, me coloquei a fazer outras coisas.

Dormir é para os fracos, há!
What are the causes of forgetting? maldito dda...

Esse fim de semana eu estava estou assim.
Porém, assim como minhas mãos, minha boca também se calou.
É como se eu estivesse trancado dentro de mim e com a sensação de que se aproximar alguma daquelas pessoas efusivas, logo a mandaria para marte aplicando-a uma força motora no maxilar.

Como não dormi, coloquei o CD do filme "Cidade Dos Anjos". É um dos raros CD's que me fazem dormir. Não porque é tediante, mas sim porque me agrada da primeira até a última faixa. Mas mesmo assim não surgiu o efeito esperado e o efeito colateral foi a inspiração para escrever dele...
Sabe, mesmo depois de enfrentar um dia daqueles! Aqueles de passar por um trânsito de duas horas, chegar ao banco e andar feito lesma por uma fila enorme, ter que ouvir poucas e boas no trabalho, em suma, quase um daqueles dias de surtar! É só ouvir este CD! E aquela paz de espírito tão almejada, transforma-se num ato consumado.
Fato é, não é como ouvir Sexual Healing na incrível voz de Marvin Gaye. Sim, diretamente proporcional, porém menos explícita. (Aliás, uma nota mental: Quando acompanhado, se ouvir Marvin Gaye - "Sexual Healing", é porque a companhia deseja algo mais.)
A música é uma fuga da realidade para relembrar o passado, planejar o futuro, ilustrar o presente e, mais que tudo isso, fazer um simples instante, ser mais vívido que antes.

O livro que Seth presenteia a Maggie no filme se chama "Paris é uma festa" (A Moveable Feast), de Ernest Hemingway.

Não, não... Eu nem gosto desse filme, imagina!

... Bom início de semana! (pra mim e pra quem quiser.)
Não há noite que seja mais longa do que aquela em que não se consegue acalmar o espírito.

[ • ] [ posted by Yukio at 5:18 AM ] [ 2 Comments ]


 
Layout desenvolvido por Yukio
A cópia ou reprodução total ou parcial sem autorização, implicará nas penas previstas pela lei. As imagens utilizadas são apenas para evento de divulgação.
eXTReMe Tracker